quarta-feira, 30 de janeiro de 2013



Reconheço minha incapacidade de sentir
ou receber sentimentos pela metade.
É que nasci com uma incontrolável 
vontade de ser pleno. 

Aluísio Cavalcante Jr.

Visitem A Espera do teu Olhar
 e se deliciem com o talento desse poeta.
http://aesperadoteuolhar.blogspot.com.br/

10 comentários:

Sandra Botelho disse...

Tambem sou assim...LIndo texto. e obrigada por me autorizar a postagem.Bjos achocolatados amigo

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Obrigado
pela divulgação
do texto,
e pela bela
formatação do mesmo.

O coração
palpita alegre
com presentes assim.

Antonio disse...

Ciao Sandra .

Ho visitato i tuoi 2 blog perchè ho incontrato il tuo profilo come per magia nella mia casella di posta GMail .Sto scrivendo dall'Italia e anche io capisco un poco il portoghese . Sono anche io un Blogger e se desideri fare un giro virtuale nei miei Blog ti lascio di seguito il link .

http://anoriat.blogspot.it/

un abbraccio

Sinval Santos da Silveira disse...

Boa tarde!

Maravilhoso...adorei.
Abraços
Sinval

Giancarlo disse...

Buona Pasqua...un abbraccio.

Severa Cabral(escritora) disse...

Boa noite minha querida !!!!!!!!!!!!
Às vezes, as palavras se perdem na expressão da palavra Mãe. Nenhum dicionário definirá a magia do seu significado e, em todos os idiomas, traduz o mesmo sentimento: ser mãe.
E vendo o carinho dedicado ao dia das mães,deixo o meu pra vc que é mãe!

Fabio Rocha disse...

Passei pra deixar uma ternura.

APENAS PALAVRAS disse...

Suas palavras são sempre gotas de otimismo. Você tem razão, não há de se dar guarida às derrotas. Sempre se pode levantar das quedas. A fé e o amor serão sempre nossos escudos, a nos assegurar razões pra sermos felizes, em detrimento das quedas que só podem ampliar nossos horizontes de vida.

Um grande abraço.

Pedro Luis López Pérez (PL.LP) disse...

Si puediéramos ver la vida desde las cosas más sencillas, podríamos alcanzar la plenitud y la felicidad.
¡¡¡Perdóname si no he podido pasar hasta ahora por Tu Mágico Espacio, pero cuanto más Tiempo Libre...más vagancia.
Abraços.

Daniel Costa disse...

Sandra amiga, dento dos teus sumiços, vais aparecendo de quando em vez para nos alegrar. Parabéns pelo prémio e pelo bom pensamento postado.
beilokas